Desce bem com sopa
uma ervilha entalando
num sopapo de mochila
desmascarando o patife.

No espírito da velha escola
anotações secretas de fasão
no barão do tijolo estúpido
reluzente raposa no brasão.

Caminhando pela prancha
refugiado em pentagramas
na sabedoria do ser alheio.

Pela escócia das malvinas
a pessoa do sentinela cego
senti em mim algo belo.

Anúncios