Berrando em sete línguas
flutuando seu próprio caos
submergindo em despedaços
que me tenham os dizeres.

Embrenhado em intemperança
caducou terreno improdutivo
na margem da miséria líquida
soterrou em atitudes viscerais.

Desgovernado em óbvio
do real que escapa
e consome pra onde?

Anúncios