You are currently browsing the tag archive for the ‘canção’ tag.

A coisa girando a toda

todo no agora que gira

é a imagem pela coisa

que roda a toda agora.

 

Rodando em volta

a toda velocidade

espaço encadeando

a própria ilocalidade.

 

Pelo arremesso

da função

com a queda

sem correção.

 

Pela espinha

através do choque

na experiência

do sensor.

 

Sem censura.

Anúncios

Do show ao vivo!

Passou por mim
com a cara
de bola da vez
fazendo um
Drum ‘n’ base
um beat acelerado.

Mexendo o cabelo
chamando atenção
rasgando no meio
a multidão.

Entrou na área
quebrou a banca.

É só olhar
pra relevar
não dá pra
ter sem ter
problema.

Ficando pronta!

Um festival de jazz
perdido por segundos
entre uma masmorra
e um quartel de pregos.

Numa caminhada febril
sinônimos descontrolados
contemplando adjetivos
criando casos a torto.

Num escondidinho
uma beterraba crua
por um pepino malcriado.

Numa hortaliça
desejos de repolho
em uma gemada maliciosa.

Anúncios